ÚLTIMAS

SIC adquire as séries "Allenby" e "No Return" (c/ trailers)

A SIC adquiriu à Armoza Formats as séries "Allenby" e "No Return". Original israelita e brasileira, respectivamente, estas produções são dramas recheados de suspense, acção e tensão.

Daniel Oliveira e a sua equipa continuam a trabalhar na nova estratégia da SIC e assim, além do entretenimento, a ficção também não está esquecida, tendo a estação adquirido as séries "Allenby" e "No Return" à Armoza Formats.

Original israelita, "Allenby" é um drama psicológico viciante, baseado num romance de Gadi Taub, e que ocorre na Allenby Street, nas profundezas da vida nocturna de Tel Aviv. Quando uma stripper bonita e sedutora é vítima de um ataque agressivo, ela mergulha num pesadelo que só ela pode consertar.

Esta série dá uma visão emocionante sobre o submundo secreto de um bar de strippers e dá acesso a um mundo que é restrito, revelando personagens complexos que vivem as suas vidas com suspeita, venalidade e desejo.


Já a série "No Return", original brasileiro, conta a dramática história de sobrevivência de um grupo de alpinistas, que após decidirem conquistar um dos picos mais perigosos do mundo, se vêem presos na selva brasileira. Descobrindo que o seu guia lhes mentiu, o grupo perde a esperança de resgate.

Perdidos e feridos, os alpinistas são confrontados com uma série de eventos inesperados e caóticos que vão mudar o seu destino. Um drama cheio de tensão, onde cada decisão pode significar viver ou morrer, e onde ninguém regressar o mesmo.


"Estamos muito felizes em fazer uma parceria com a Armoza e acreditamos que estes programas são perfeitos para os telespectadores da SIC", disse Nicole Correia, Directora de Aquisições da SIC.

"Cada um destes dramas conta uma história única de um ponto de vista que muitas vezes não é visto na TV - "Allenby" oferece um raro olhar para a cena do underground nocturno enquanto "No Return" conta a história dramática de um grupo de alpinistas. Acreditamos que são uma excelente opção para Portugal e para o público da SIC", disse Avi Armoza, CEO da Armoza Formats.

Sem comentários