ÚLTIMAS

EUROVISÃO 2018: O que sabemos até agora...

A edição de 2018 do Eurovision Song Contest está cada vez mais perto, e no dia em que a organização coloca à venda a segunda vaga de bilhetes, o Olhar a Televisão faz-lhe um resumo de tudo aquilo que já se sabe sobre a próxima edição do espectáculo.

Falta pouca mais de cinco meses para, pela primeira vez, Portugal receber o mais espectáculo musical de música ligeira, o Eurovision Song Contest. Desde a vitória de Salvador Sobral, em Maio de 2017, na Ucrânia, que a RTP juntamente com a EBU trabalham na preparação da próxima edição que se realiza no Altice Arena, em Lisboa.

Conforme o tempo vai passando, e a data de realização da edição de 2018 do Festival Eurovisão da Canção se aproxima, vão sendo reveladas novidades sobre o certame. Com um orçamento média de 28 milhões de euros, a RTP já prometeu fazer a edição mais económica de sempre mas sem prejudicar a qualidade e inovação do espectáculo, tendo dito que irá surpreender.

No total, serão 43 os países que vão participar no Eurovision Song Contest de 2018, que conta com o slogan "All Aboard", estando associado a este o logotipo principal que conta com 12 variações gráficas que representam a diversidade de Portugal que sempre ligou a Europa ao Mundo através do seu oceano.


O slogan e toda a imagem gráfica baseia-se na diversidade de vida nos mares e na história de Lisboa como o como o centro das rotas marítimas mais importantes do mundo. A Europa também serviu de inspiração para a criação de múltiplos logotipos, pois é um conjunto de países. Assim, este conceito gráfico retrata os temas-chaves como a diversidade, o respeito e a tolerância.

Dentro de toda esta diversidade gráfica, a imagem principal do evento será a concha, tendo Nicolau Tudela, autor de todo este conceito, explicado que esta forma guarda mais segredos do que os que transporta apenas à primeira vista.
Também o cenário que vai acolher o certame já foi revelado, tendo a escolha recaído sobre a proposta do conceituado designer Florian Wieder, e tal como o grafismo tem inspiração a história de Portugal e a nossa ligação ao oceano, tendo sido quatro os pontos principais para a sua concepção. Conheça-os aqui.

Para os fãs do espectáculo, a venda de bilhetes já se encontra disponíveis, estando a ser faseada. Uma primeira vaga de venda decorreu no dia 30 de novembro que, esgotou em poucas horas, tendo a segunda vaga arrancado nesta quarta-feira, 20 de dezembro, podendo adquirir o seu bilhete através do site www.blueticket.pt.

Serão reservados 1700 bilhetes para os clubes de fãs OGAE, para os seis espectáculos nocturnos do evento. Os detalhes sobre como comprar estes bilhetes serão anunciados separadamente aos membros da OGAE.

A decorrer entre 8 e 12 de maio, a próxima edição da Eurovisão contará com a participação: Albânia, Alemanha, Arménia, Austrália, Áustria, Azerbaijão, Bielorrússia, Bélgica, Bulgária, Croácia, Chipre, Dinamarca, Eslovénia, Espanha, Estónia, Finlândia, França, Geórgia, Grécia, Holanda, Hungria, Islândia, Irlanda, Israel, Itália, Letónia, Lituânia, Malta, Moldávia, Montenegro, Noruega, Polónia, Portugal, Reino Unido, República Checa, República da Macedónia, Roménia, Rússia, San Marino, Sérvia, Suécia, Suíça e Ucrânia.

Por cá, a escolha do representante português de 2018 será feita durante o mês de fevereiro e março, sendo que a próxima edição do Festival RTP da Canção será composto por duas semi-finais e a Grande Final, a qual se irá realizar a partir do Pavilhão Multiusos de Guimarães.

Sem comentários